Vale de Arryn

De Game Of Thrones BR wiki
(Redirecionado de Reino do Vale e do Céu)
Ir para: navegação, pesquisa
Mapa físico-político do Vale de Arryn por Jonathan Roberts
Vale.png
Localização do Vale de Arryn em Westeros

Vale de Arryn, ou o Vale, é uma das regiões que constituem Westeros, e antigamente fora uma nação soberana conhecida como Reino da Montanha e Vale, antes da Guerra da Conquista. O Vale é governado pela Casa Arryn, do castelo conhecido como Ninho da Águia. Casas notáveis desta região incluem Hunter, Corbray, Redfort e Royce. Os Bastardos nascidos no Vale recebem o sobrenome Stone[1].

Geografia

Riacho no Vale em Game Of Thrones.
HBO-Vale.jpg
Montanhas da Lua em Game Of Thrones.
O Vale é localizado na costa oriental de Westeros, uma terra tranquila de terra negra fértil, com largos rios que se movem lentamente, e centenas de pequenos lagos que brilham como espelhos ao sol, protegidos por todos os lados por sua imensa e impenetrável cadeia de montanha.

O Vale tende a ser relativamente isolado, de maneira semelhante ao Norte e Dorne, de outras regiões dos Sete Reinos. Os duros invernos do Vale tornam viagens apenas possíveis durante estações mais amenas, e os rebeldes clãs da montanha tornam as viagens ainda mais perigosas. Pode-se chegar ao Vale através da Estrada de Altitude, que conecta o Vale às Terras Fluviais, protegida pelo Portão Sangrento.

As fronteiras do Vale são a Dentada ao norte, a Baía dos Caranguejos ao sul, as Montanhas da Lua a oeste, e o Mar Estreito ao leste. O vale consiste em várias regiões: o próprio Vale de Arryn; as Montanhas da Lua; os Dedos; as ilhas de Três Irmãs, Paps, Seixos; e a península em volta de Vila Gaivota.

Lugares importantes

Veja também: Categoria:Locais no Vale

Povo e Economia

Veja também: Cavaleiros do Vale

Caminho Escondido no Vale por Tysen Johnson

O povo do Vale é conhecido como honrosos e competentes guerreiros guiados por sua honra e pela Fé dos Sete. Alguns de seus habitantes que vivem nos sopés das Montanhas da Lua rejeitam a autoridade do Ninho da Águia e vivem por suas próprias regras. Estes clãs da montanha, como os Orelhas Negras e Homens Queimados, costumam atacar viajantes não precavidos.

Trigo, milho e cevada são cultivados no Vale. Nem mesmo em Jardim de Cima as abóboras crescem tão grandes, nem são tão doces as frutas. A Casa Waxley é conhecida por produzir velas aromatizantes, que podem ser produzidas com noz-moscada, ou outras caras especiarias.

Segundo fontes não canônicas, os senhores do Vale podem levantar exércitos de até 45 mil combatentes. Os cavaleiros do Vale são considerados como uma das melhores forças montadas de todos os Sete Reinos.

História

Info Aviso: Esta seção contém revelações sobre o enredo (spoilers).

O Vale foi onde inicialmente os Ândalos desembarcaram; portanto, os Arryn são uma das mais antigas linhagens de nobreza Ândala nos Sete Reinos, e, após derrotarem os Primeiros Homens na lendária Batalha das Sete Estrelas, governaram como Reis da Montanha e Vale por séculos, até que dobraram os joelhos para Aegon, o Conquistador.

A Rebelião de Robert começou no Vale, quando Jon Arryn recusou-se a entregar seus protegidos Robert Baratheon e Eddard Stark ao Rei Louco. Derrotando seus vassalos lealistas em Vila Gaivota, Lorde Arryn seguiu para ajudar Robert a assegurar o controle do Trono de Ferro, e foi nomeado sua Mão. Na ausência de Jon Arryn, Nestor Royce serviu como Alto Intendente do Vale [2].

Após sua morte, a viúva de Jon Arryn, Lysa, recusou-se a colocar as forças do Vale a serviço de qualquer um dos lados da guerra. Com seu casamento com Petyr Baelish, e seu posterior assassinato pelas mãos dele, Mindinho passa a governar como Senhor Protetor do Vale, para a preocupação dos Senhores Declarantes.

Referências



Nota: Esta página utiliza conteúdo da A Wiki Of Ice And Fire. O conteúdo original está aqui em Vale of Arryn. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.