Qarth

De Game Of Thrones BR wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Qarth
Cidade Portuária Mercantil
Cidade Estado
Qarth is located in Deserto Vermelho
Qarth

Localização de Qarth na região do Deserto Vermelho. Qarth HBO.jpg
Qarth representada em Game of Thrones.
Localização Essos
Governo Puronatos , Oligarquia.
Religião Diversas religiões
Fundado(a) Nos tempos antigos
Locais notáveis Casa dos Imortais, Salão dos Mil Tronos, Templo da Memória, Muralha Tripla
Organizações Treze, Irmandade Turmalina, Antiga Guilda da Especiarias, Homens Pesarosos, Magos

Qarth é uma antiga cidade portuária localizada ao sul de Essos. Ocupando uma posição estratégica, Qarth é um portal de comércio e cultura entre o Oriente e o Ocidente, e entre o Norte e o Sul. A cidade é muito rica e possui uma arquitetura fantástica.

É lar de magos e príncipes mercadores, e nominalmente governada pelos Puronatos, mas os Treze, a Irmandade Turmalina e a Antiga Guilda das Especiarias, poderosas organizações de comércio, exercem grande influência na administração da cidade.

Muitos de seus cidadãos se referem a ela como "Rainha das Cidades". Quando Daenerys Targaryen entrou na cidade, pensou consigo mesma que a magnificência do lugar realmente não poderia ser negada.

Tabela de conteúdo

Sobre a cidade

Localização

Qarth está localizada ao sul de Lhazar e do Deserto Vermelho, tendo as grandes cidades escravagistas, Meereen, Astapor e Yunkai a oeste. De suas praias do Mar de Jade, controla os Estreitos de Qarth, que ligam o Mar de Verão ao lendário Mar de Jade. Sua posição privilegiada faz com que ela se torne o portão entre o oeste - Westeros, Cidades Livres e a Baía dos Escravos - e o extremo leste, como Asshai, as Terras da Sombra e Yi Ti. Qarth é muitas vezes descrita como o centro do mundo.

Opulência

Tendo ocupado uma posição privilegiada no comércio mundial por séculos, Qarth é uma cidade extremamente rica, o que se reflete no visual dos cidadãos e na arquitetura da cidade. As construções são pintadas em tons de rosa, violeta e ocre. As ruas são decoradas com estátuas de bronze, as fontes são esculpidas no formato de criaturas fantásticas, e as avenidas são alinhadas com arcos de bronze decorados de pedras preciosas.

Governo

Qarth é nominalmente governada pelos Puronatos que se reúnem no Salão dos Mil Tronos. Eles lidam com os assuntos civis importantes, comandam a Guarda Cívica e a frota de ornamentadas galés que dominavam os estreitos entre os mares. No entanto, a Antiga Guilda das Especiarias, os Treze e a Irmandade Turmalina, três poderosas organizações comerciais, sempre se esforçam para participar do governo e das maquinações políticas da cidade.

Construções

Interior de Qarth visto pelos portões

Quando chegou na cidade, pareceu a Daenerys que todas as cores que faltavam em Vaes Tolorro podiam ser encontradas em Qarth; edifícios aglomeravam-se ao redor, fantásticos como um sonho febril, em tons de rosa, violeta e ocre. Ela passou sob um arco de bronze esculpido em forma de duas serpentes acasalando, com delicados flocos de jade, obsidiana e lápis-lazúli como escamas. Torres esguias subiam mais alto do que quaisquer outras que ela tivesse visto, e elaborados chafarizes, esculpidos na forma de grifos, dragões e manticoras, enchiam todas as praças.

Numa grande arcada, os antigos heróis da cidade se erguiam num tamanho três vezes superior ao de um homem, sobre colunas de mármore branco e verde. Dany e seu khalasar atravessaram uma feira localizada num edifício cavernoso, cujo teto entrançado servia de lar a um milhar de aves de cores alegres. Árvores e flores desabrochavam nos muros em terraços por cima das barracas, enquanto, embaixo, parecia que tudo o que os deuses tinham colocado no mundo estava à venda.

  • Salão dos Mil Tronos, sede do governo de Qarth. Os Puronatos governam ali,de cima dos grandes tronos de madeira de seus ancestrais, que se erguiam em fileiras curvas do chão de mármore ao teto em cúpula alta pintado com cenas da glória desaparecida de Qarth. Os cadeirões são imensos, fantasticamente esculpidos, brilhando com trabalhos em ouro e guarnecidos de âmbar, ônix, lápis-lazúli e jade, cada um diferente de todos os outros, e cada um tentando ser mais fabuloso que os demais.
  • Templo da Memória, lugar onde são feitos sacrifícios segundo a tradição.
  • Casa dos Imortais, também conhecido como Palácio de Poeira, sendo até recentemente a sede dos Magos de Qarth. Foi destruída por Drogon, um dos dragões de Daenerys Targaryen. Depois de sua destruição, erva dos fantasmas cresceu no Jardim de Gehane, e foram vistas tartarugas fantasmagóricas levando mensagens entre as casas sem janelas na Via dos Magos.

Porto

A cidade possui um dos maiores portos do mundo, com longos cais de pedra reservados para os navios das corporações de comércio. A extremidade do porto é deixada para os navios estrangeiros. Tabernas, armazéns e antros de jogo alinham-se ao longo das ruas, ao lado de bordéis baratos e de templos de deuses peculiares. Batedores de carteira, assassinos, vendedores de feitiços e cambistas misturam-se em todas as multidões. A margem é um grande mercado, onde a compra e a venda prosseguem de dia e de noite, e bens podem ser obtidos por uma fração do que custariam na feira, contanto que não se faça perguntas sobre sua origem.

Defesas

Qarth é rodeada por três muralhas com nove, doze e quinze metros de altura, respectivamente decoradas com animais, cenas de guerra e cenas de sexo. A muralha tripla de Qarth é uma das nove maravilhas feitas pelo homem relatada no livro de Lomas Longstrider.

  • Muralha exterior - a muralha externa é feita de arenito vermelho, com nove metros decorados de animais: serpentes rastejando, gaviões voando, peixes nadando, misturados com lobos do deserto vermelho, cavalos rajados e monstruosos elefantes.
  • Muralha intermediária - a muralha intermediária é feita de granito cinza, com doze metros de altura decorados de cenas de guerra: o entrecruzar de espadas, escudos e lanças, flechas em voo, heróis em batalha, bebês sendo massacrados e piras de mortos.
  • Muralha interna - a muralha interna é feita de mármore negro, com quinze metros de altura e cenas de sexo que fizeram Dany corar.

Os portões exteriores são reforçados com cobre; os intermediários, com ferro; e os interiores são guarnecidos com olhos dourados. Todos se abriram à aproximação de Daenerys Targaryen.

A muralha tripla de Qarth não tem sido usada para defesa por séculos, mas permanece em pé, representando o poder da cidade.

Escravidão

Os qartenos comerciam escravos e a escravidão é permitida na cidade. Eles a consideram algo essencial para a civilização e não tem nenhum escrúpulo quanto a isso, o que se pode ver claramente no discurso de Xaro Xhoan Daxos à Daenerys:

...a magnificência da Rainha das Cidades é construída sobre as costas dos escravos. Pergunte a si mesma, se todos os homens tivessem que escavar a terra por comida, como alguns levantariam os olhos para contemplar as estrelas? Se cada um de nós tivesse que arrebentar as costas para construir um casebre, quem levantaria os templos para glorificar os deuses? Para alguns homens serem grandes, outros devem ser escravizados.

Miscelânea

Os navios de especiarias de Qarth podem ser tão grandes quanto castelos.

Os montadores de camelo qartenos usam armaduras de cobre, feitas de escamas, e elmos com bocal, presas de cobre e longas plumas de seda negra, e sentam-se bem alto em selas incrustadas de rubis e granadas. Seus camelos são cobertos com mantas de uma centena de tons diferentes.

Quando Khal Drogo estava vivo, ele sonhava com o dia que levaria seu khalasar para saquear as cidades do leste, incluindo Qarth.

Povo de Qarth

População em geral

Os qartenos são um povo alto e pálido, chamados de "homens de leite" pelos dothraki devido à essa aparência. Eles se orgulham de sua sofisticação e consideram que chorar num momento de forte emoção é uma característica do ser civilizado.

Seguindo a moda qartena, as mulheres deixam um seio exposto, enquanto que os homens usam saias frisadas de seda. Os soldados de Qarth montam camelos.

Eles se sentam em almofadas no chão. Mercadores qartenos ricos costumam ter jóias no nariz.

Os Imortais de Qarth

Qarth é muito famosa por seus magos, que são conhecidos como os Imortais de Qarth, temidos e respeitados em todo o Oriente. Assim como a Guilda dos Alquimistas dos Sete Reinos, o poder e prestígio dos magos se esvaiu com o passar dos anos. Muitos magos tem lábios azuis de tanto beber a sombra da tarde, uma bebida azul que abre os sentidos. A sede dos magos é a Casa dos Imortais, onde viviam os mais misteriosos e provavelmente mais velhos dos magos.

Há um ditado em Qarth sobre os magos:

A Casa dos Magos é feita de ossos e mentiras.

Homens Pesarosos

Qarth também abriga uma guilda de assassinos conhecidos como Homens Pesarosos devido ao seu hábito de sussurrar "lamento tanto" às suas vítimas antes de matá-las. Os qartenos não podiam ser acusados de não serem educados.

Costumes

Casamento

Maridos e mulheres mantêm suas propriedades depois de se casar, mas os qartenos tem um costume peculiar. No dia da união, a esposa pode pedir um penhor de amor ao marido. Qualquer coisa que ela deseje de seus bens terrenos, ele tem de lhe conceder. E ele pode pedir-lhe a mesma coisa. Só uma coisa pode ser pedida, mas, seja o que for, não pode ser negado. Isso é visto como uma demonstração de devoção do noivo para com a noiva e vice e versa.

Eventos Recentes

Info Aviso: Esta seção contém revelações sobre o enredo (spoilers).

A Guerra dos Tronos

Samwell Tarly mencionou a cidade para Jon Snow, dizendo que o pai havia contratado magos de Qarth para que o tornassem mais forte e valente, trazendo-os até Monte Chifre

A Fúria dos Reis

Daenerys Targaryen em Qarth, na série de HBO.

Três representantes de Qarth - Pyat Pree, Xaro Xhoan Daxos e Quaithe da Sombra - acompanharam Jhogo de volta a Vaes Tolorro depois que ele havia sido enviado por Daenerys para descobrir o que havia nos arredores da cidade abandonada [1]. Os emissários acompanharam Daenerys e seu khalasar até Qarth.

Quando Daenerys chegou em Qarth, seus três dragões se tornaram uma maravilha na cidade antiga.

Xaro Xhoan Daxos, um membro dos Treze, ofereceu a ela e a seu khalasar a hospitalidade de seu palácio enquanto ela permanecesse em Qarth. Seguindo os conselhos dele, Daenerys conseguiu uma audiência com os Puronatos no Salão dos Mil Tronos para pedir por uma frota de navios e um exército. Os Puronatos a ouviram, mas negaram seu pedido.

O rumor de que havia dragões vivos se espalhou pelo leste e muitos foram descobrir se aquilo era verdade. Xaro organizou os curiosos e fez com que todos, até os mais humildes, dessem um presente a Mãe de Dragões. O riacho logo se tornou uma inundação. Capitães mercantes traziam renda de Myr, arcas de açafrão de Yi Ti, âmbar e vidro de dragão de Asshai. Os mercadores ofereciam sacos de moedas, os ourives, anéis e colares. Tocadores de flauta tocavam para ela, acrobatas faziam acrobacias, e malabaristas, malabarismos, enquanto tintureiros envolviam-na em cores que nunca soubera existir. Um par vindo de Jogos Nhai presenteou-a com um de seus zebralos listados, pretos e brancos, e ferozes. Uma viúva trouxe o cadáver do marido, coberto com uma crosta de folhas prateadas; acreditava-se que tais restos detinham grande poder, especialmente se o falecido tivesse sido um feiticeiro, como aquele, E a Irmandade Turmalina empurrou-lhe uma coroa trabalhada na forma de um dragão de três cabeças; os anéis eram de ouro amarelo, as asas, de prata, as cabeças, esculpidas em jade, marfim e ônix.

A coroa foi o único presente que Dany guardou. O resto ela vendeu para conseguir ouro, que desperdiçou em sua visita aos Puronatos.

Dianta da recusa dos Puronatos, Daenerys decidiu aceitar o convite de Pyat Pree e visitar a Casa dos Imortais. Lá dentro, após ter diversas visões, ela foi atacada pelos Imortais. Drogon agiu em defesa dela e destruiu-os ao incendiar o prédio.

A destruição da Casa dos Imortais gerou uma reação na cidade que culminou praticamente na expulsão da Targaryen, sendo que a Irmandade Turmalina, a Antiga Guilda das Especiarias e os Puronatos exigiram que ela partisse (alguns até exigiram que ela fosse executada). A influência de Xaro apenas impediu que os Treze somassem suas vozes ao pedido das demais guildas.

A Tormenta de Espadas

Em Meereen, Sor Jorah Mormont admitiu a Daenerys que enviou seu último relatório sobre ela para Varys de Qarth. Dany esperava que ele tivesse deixado de espioná-la antes.

A Dança dos Dragões

Xaro Xhoan Daxos foi até Meereen representando os interesses de Qarth. Ele conversou com a Rainha Daenerys e tentou convencê-la da importância da escravidão para a economia das cidades de Essos, incluindo Qarth. Ele ofereceu a ela treze navios com a condição de que ela os usasse para deixar a Baía dos Escravos e partisse para Westeros.

Daenerys inspecionou as condições dos navios de Xaro, mas depois recusou a oferta. Xaro respondeu deixando uma luva ensanguentada numa almofada de cetim - a declaração de guerra de Qarth a Daenerys Targaryen.

Citações

Qarth é a maior cidade que já existiu ou existirá [2].
Pyat Pree
Como devemos parecer selvagens a esses qartenos [2].
Daenerys Targaryen, sobre ela e seu khalasar ao entrarem em Qarth.
Vivemos tempos estranhos em Qarth [3].
Xaro Xhoan Daxos, após a destruição da Casa dos Imortais.
Em Qarth, eu era uma pedinte [4].
— Daenerys, para Quaithe.
Os qartenos tem leite nas veias [5].
Daario Naharis


Capítulos que ocorrem em Qarth


Referências e Notas


Nota: Esta página utiliza conteúdo da A Wiki Of Ice And Fire. O conteúdo original está aqui em Qarth. A lista de autores pode ser vista em histórico da página.

[Categoria:Qarth]]

Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas