Norte

De Game Of Thrones BR wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Mapa físico-político do Norte por Jonathan Roberts
Norte.png
Localização do Norte em Westeros

O Norte é uma das regiões que constituem os Sete Reinos de Westeros, já tendo sido um Reino soberano de mesmo nome antes da Guerra da Conquista. A região cobre toda a área ao sul da Muralha e a norte do Gargalo. O Norte foi governado pela Casa Stark por milhares de anos do castelo de Winterfell, até a Guerra dos Cinco Reis. Outras Casas notáveis do norte incluem Bolton (atuais suseranos), Umber, Karstark e Manderly.

Bastardos nascidos no Norte recebem o sobrenome "Snow".

Geografia

O Norte visto da Muralha em Game Of Thrones.
O Norte é grande em tamanho, o maior dos Sete Reinos, quase tão grande quanto os outros seis Reinos combinados. A região é pouco povoada, com vastas áreas silvestres, florestas, colinas cobertas por pinheiros e montanhas cobertas de neve, dotada de poucas e pequenas vilas e fortalezas. Seu clima é frio e duro no inverno, e mesmo no verão neva ocasionalmente.

O Norte possui duas grandes barreiras terrestres. A primeira, ao norte, é a Muralha, lar da Patrulha da Noite, que defende as fronteiras nortenhas das ameaças selvagens vindas das terras Para Lá da Muralha. A segunda, ao sul, é o triângulo de impenetráveis pântanos do Gargalo. A região é estreita e de terreno difícil, tornando-se uma barreira natural para o Norte, com Fosso Cailin, uma formidável fortaleza (hoje, em grande parte, em ruínas), guardando a única passagem, e a protegendo de invasões. Foi aqui que os Reis do Inverno controlaram inúmeras invasões de sulistas.

Espalhadas ao longo das costas leste e oeste, se encontram diversas ilhas, habitadas ou desertas. Dois rios principais cortam o Norte: o Faca Branca, que leva ao movimentado Porto Branco, permitindo uma rota de comércio entre Winterfell e o Mar Estreito, e o Rio Último, que corre norte em direção a Última Lareira. O Norte é banhado por dois grandes mares: o Mar do Poente a oeste, e o Mar Tremente ao leste.


Locais importantes

Winterfell, a capital nortenha

Povo

Nortenhos na Mata de Lobos

Os nortenhos são quase todos descendentes dos Primeiros Homens. Conhecidos como pessoas francas, duras e difíceis, que vêem com desdém os confortos do sul. A maioria ainda segue os Deuses Antigos e suas árvores de represeiro, possuindo uma muito pequena inclinação aos novos deuses. Com poucas exceções, como a Casa Manderly de Porto Branco, que se mantiveram fiéis à Fé após emigrarem da Campina séculos atrás. O terreno do Norte e seu clima tornam as necessidades da vida diária muito mais difíceis.

Mapa do norte com suas principais localizações.

O frio constante, e o forte inverno, separaram os nortenhos dos Reinos ao sul do Gargalo. Toda sua vida se concentra no fato de que o inverno está chegando e que eles precisam se preparar para sobreviver a ele. Em tal ambiente, não há espaço para cortesias vazias, rituais de corte, ou culturas sofisticadas e torneios. O povo, especialmente os Stark, sem nunca ter tido muito contato com os costumes sulistas, vivem sob um estrito código de honra, sem ceder às intrigas que marcam as cortes ao sul. Os nortenhos possuem uma duradoura memória. Um Lorde que não busca uma vingança que lhe é de direito pode sofrer a ameaça de seus próprios homens se voltarem contra ele.

Alguns dos nortenhos vivem em áreas remotas, onde agem pouco diferentes de clãs ou tribos de guerreiros selvagens. Mesmo estes povos distantes, como os cranogmanos, os clãs das montanhas do Norte e os habitantes de Skagos, são vassalos dos Stark, e lhes é permitido manter seus costumes e tradições, desde que se mantenham leais a Winterfell.

Os costumes heráldicos do Norte são significativamente mais simples e básicos do que no sul, mostrando a diferença de influência que a cavalaria possui nas regiões e também tem relação com os costumes religiosos, posto que poucos nortenhos se submetem a juramentos de Ordens Sagradas, e, portanto, não podem se tornar cavaleiros.

O norte mantém boas relações com a Patrulha da Noite, frequentemente dando mantimentos e garantindo outras necessidades deles.

Segundo fontes não canônicas, os senhores do Norte podem levantar exércitos de até 45 mil combatentes, embora seja difícil reunir tal força devido ao tamanho da região e a distância entre as cidades e castelos. Os nortenhos são conhecidos por sua ferocidade em batalha.

Estações

O Norte, particularmente, é duramente afetado durante os longos invernos, com milhares de pessoas morrendo, e a fome não sendo incomum, devido à colheitas pobres antes do inverno, ou à inabilidade de cultivar plantações durante os longos anos frios, exceto em algumas estufas especiais, ou em castelos próximos a fontes quentes, como Winterfell, ou áreas vulcânicas, como o Forte do Pavor.

Quando o outono é declarado pelos meistres, os Lordes do Norte passam a estocar parte dos grãos que colhem. A quantidade é uma questão de escolha; entre um quinto e um quarto parece uma prudente quantidade, entretanto. Ainda, a comida é defumada, salgada ou preservada de outras maneiras antes do inverno. Comunidades costeiras dependem de peixe, apesar de mesmo no inverno ser comum a pesca no gelo nos rios e no Lago Longo.

No inverno, a neve chega a se acumular até doze metros. A chuva cai fria e dura, e, por vezes, pode se transformar em granizo, obrigando os homens a procurar abrigo e arruinando as colheitas. Mesmo no verão chuvas são comuns, entretanto tendem a ser curtas e não prejudicam a agricultura.

Comércio

A Estrada do Rei, próximo a Winterfell na série Game Of Thrones.
Como o Norte é pouco cultivado, há poucas estradas de importância aqui. A maior parte do comércio no interior da região passam ou pela Estrada do Rei ou pelos rios. Lã é um importante produto comercializado pelo Norte. Há prateiros em Porto Branco.

História

Os povos do Norte são quase todos descendentes dos Primeiros Homens, que se fixaram na região cerca de doze mil anos atrás. Pouco se sabe desta época, apenas sobraram runas encriptadas esculpidas em antigas rochas nas antigas áreas onde viviam, que podem ser largamente encontradas nas Terras Acidentadas.

Cerca de oito mil anos atrás, a Longa Noite ocorreu, quando os Outros invadiram a região, um evento que definiu e moldou o Norte, levando ao desarranjo das estações, e à fundação da Patrulha da Noite, da Muralha, de Winterfell e o surgimento dos primeiros Reis Stark.

O Último Rei Stark do Norte foi Torrhen, que se rendeu a Aegon I Targaryen ao fim da Guerra da Conquista. Desde então, os Starks mantiveram controle do Norte pelos reis no Trono de Ferro como Protetores, até perder esta posição a seus antigos vassalos da Casa Bolton, depois de serem derrotados na Guerra dos Cinco Reis, que viu levantar um novo Rei do Inverno Stark, Robb I, que morreu assassinado.



Nota: Esta página utiliza conteúdo da A Wiki Of Ice And Fire. O conteúdo original está aqui em North. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.