Irmandade da Mata do Rei

De Game Of Thrones BR wiki
(Redirecionado de Irmandade da Mata de Rei)
Ir para: navegação, pesquisa

A Irmandade da Mata do Rei foi um infame grupo fora da lei que habitava as Terras da Coroa durante o reinado de Aerys II Targaryen. Operando a partir da Mata do Rei, a Irmandade ganhou notoriedade ao raptar vários nobres e conseguiam evadir várias tentativas das autoridades de prende-los. Com o passar do tempo, eles se tornaram um incômodo tal que o Rei Aerys teve que mandar um destacamento de soldados, comandados pela Guarda Real, para destruí-los. Lorde Sumner Crakehall e seus dois escudeiros, Jaime Lannister e Merrett Frey, também lutaram contra a Irmandade.

O Lorde Comandante da Guarda Real, Gerold Hightower, foi ferido quando a Irmandade atacou a escolta da princesa Elia Martell no meio da Mata do Rei, próximo a capital. Sor Arthur Dayne assumiu o comando então das tropas reais e a Irmandade foi eventualmente destruída.

Resolução da Irmandade

A Irmandade era protegida pelo povo comum da Mata do Rei, impedindo que as tropas reais os encontrassem. Contudo, Sor Arthur Dayne ganhou a confiança da população, ao convence-los de que a Irmandade não estava trabalhando para protege-los. Arthur pediu para o rei para melhorar a situação do povo da região e ele fez questão de que tudo que fosse roubado pelas forças reais fosse pago de volta. As ações de Sor Arthur fez com que os plebeus da Mata do Rei passassem a apoiar as tropas reais e começassem a apoia-los na sua luta contra a Irmandade, com os fora da lei não podendo mais zanzar pela mata sem serem notados. Agora, as forças do Trono de Ferro não teriam muitas dificuldades para reprimir os membros da Irmandade.[1]

Em um dos mais notáveis combates, o jovem Jaime Lannister e os cavaleiros Arthur Dayne e Barristan Selmy enfrentaram vários fora da lei, incluindo o Cavaleiro Sorridente e o líder deles, Simon Toyne. Barristan matou Simon em combate singular, enquanto Arthur derrotou o Cavaleiro Sorridente. Jaime lembra desta batalha em alta conta, onde ele teve um belo duelo com o Cavaleiro Sorridente.[1]

É presumido que todos os membros da Irmandade foram mortos em combate ou capturados e posteriormente executados. O fora da lei Ulmer é o único cujo o destino é sabido, pois ele se juntou a Patrulha da Noite para evitar a execução.

Canção

Havia uma canção escrita sobre a Irmandade. Parte da letra é:

Ouro algum era por si recusado,
das donzelas eram grande flagelo.
Oh, os irmãos da mata do rei,
temível bando de fora da lei. [2]

Há também uma outra canção sobre Bem Barrigudo e o ganso do Alto Septão. É uma canção bob.[3]

Membros conhecidos da Irmandade

Referências

Nota: Esta página utiliza conteúdo da A Wiki Of Ice And Fire. O conteúdo original está aqui em Kingswood Brotherhood. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.