Casa Tarly

De Game Of Thrones BR wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Casa Tarly de Monte Chifre
Tarly de Monte Chifre.png
Brasão Caçador andante, vestido de vermelho em um campo verde.
Lema Primeiros em Batalha
Sede Monte Chifre
Lorde Atual Randyll Tarly
Região Campina
Título Senhor de Monte Chifre
Herdeiro Dickon Tarly
Suserano Casa Tyrell
Arma Ancestral Veneno do Coração

A Casa Tarly de Monte Chifre é uma casa nobre da Campina juramentada à Casa Tyrell. Suas terras são localizadas nos sopés das Montanhas Vermelhas de Dorne. Seu brasão ostenta um caçador armado em campo verde. [1][2] Seu lema não é revelado nos livros, mas de acordo com uma fonte semi-oficial é "Primeiros em Batalha". [3] Eles são uma família antiga em honra com terras ricas e uma forte fortaleza. São também os proprietários de uma espada de aço Valiriano chamada Veneno do Coração. [4]

História

Pouco se sabe a respeito da Casa Tarly antes da Conquista.

Durante o reinado de Aenys I Targaryen, o Selvagem Sam Tarly lutou contra o Rei Abutre nas marcas dornesas.[5]

Um filho de um Lorde Tarly foi considerado para casar com Rhaenyra Targaryen antes dela desposar Laenor Velaryon.[6] Lorde Alan Tarly declarou pela rainha Rhaenyra e se juntou aos Negros durante a Dança dos Dragões.[7]

Estandartes da Casa Tarly são vistos por Sor Duncan o Alto durante o Torneio de Vaufreixo. Sor Samwyle Tarly competiu neste torneio.[8]

O pai de Randyll Tarly foi derrubado do seu cavalo por Denys Mallister em um torneio.[9]

Durante a Rebelião de Robert, os Tarly permaneceram leais a Casa Targaryen. Lorde Randyll comandou a vanguarda das tropas da Campina durante a Batalha de Vaufreixo, onde ele matou Lorde Cafferen e forçou Robert Baratheon a recuar. O senhor suserano de Randyll, Lorde Mace Tyrell, tomou para si o crédito da vitória.[9]

Eventos recentes

A Guerra dos Tronos

Samwell Tarly se junta a Patrulha da Noite como intendente e se torna amigo próximo de Jon Snow. Sam foi tirado da linha de sucessão da Casa Tarly por ordens do seu pai, o lorde Randyll Tarly, que favorecia seu filho caçula Dickon Tarly.[4]

A Fúria dos Reis

Lorde Randyll manda suas tropas para apoiar o exército de Renly Baratheon em Ponteamarga. Renly estava ainda em Monte Chifre com Lorde Tarly quando ele recebeu mensagem de Stannis Baratheon afirmando a ilegitimidade dos filhos da rainha Cersei Lannister.[10]

Randyll fica para trás, junto com outros lordes, quando Renly vai enfrentar Stannis no cerco de Ponta Tempestade.

Quando Renly morre e os homens da Terras da Tempestade dobram o joelho para Stannis Baratheon, Randyll e os lordes da Campina partem para não se aliar a Stannis. Randyll toma os antigos paióis de suprimentos de Ponteamarga e executa vários homens que querem apoiar Stannis, principalmente da Casa Florent.[11]

Randyll Tarly, assim como os outros senhores da Campina, decidem então apoiar o rei no Trono de Ferro, Joffrey Baratheon. Ele comanda o centro das tropas Tyrell-Lannister durante a Batalha da Água Negra.[12]

A Tormenta de Espadas

Samwell parte com a Grande Patrulha em busca de Mance Rayder e Benjen Stark na região além da Muralha. Após a batalha do Punho dos Primeiros Homens, Sam mata um dos Outros.[13] Ele depois escapa do motim na Fortaleza de Craster junto com Goiva,[14] e eles, junto com os sobreviventes, chegam na Muralha.[15] Já depois da Batalha de Castelo Negro, Sam ajuda Jon Snow a ser eleito Lorde Comandante da Patrulha da Noite.

Lorde Randyll derrota um exército nortenho na batalha de Valdocaso.[16] Ele então toma a cidade de Lagoa da Donzela.[17]

O Festim dos Corvos

Jon Snow ordena que Samwell vá para a Cidadela em Vilavelha para buscar conhecimento para combater os Outros. Sam pretende enviar Goiva e seu filho para viver com sua mãe, Melessa, em Monte Chifre.[18]

Sor Kevan Lannister diz que Lorde Randyll era um bom candidato para servir como Mão do Rei durante uma reunião com a rainha Cersei Lannister.[19]

Brienne de Tarth vê homens vestindo com as cores da Casa Tarly junto com vários cadáveres do lado de fora de Valdocaso.[1] Enquanto ele estava fazendo justiça em Lagoa da Donzela, executando vários criminosos, Randyll se encontra com Brienne. Ele não mostra respeito pela missão dela e diz para a moça não se encontrar com ele novamente.[20][21]

É então arranjado um casamento entre Dickon Tarly e Eleanor Mooton, a filha do lorde William Mooton de Lagoa da Donzela.[20]

A Dança dos Dragões

Dickon se casa com Eleanor Mooton.[22]

Randyll retorna para Porto Real após receber notícias da prisão de Margaery Tyrell, a filha do seu senhor suserano. Ele recebe a custódia dela e de suas primas após fazer um juramento sagrado ao Alto Pardal de retorna-la para os julgamentos. Como parte dos esforços do lorde Kevan Lannister de manter a lealdade da Campina, Lorde Tarly é nomeado para o pequeno conselho como Mestre de Leis do rei Tommen I Baratheon.[23]

A Casa Tarly no final do terceiro século

Os Tarly conhecidos durante o período de tempo dos eventos descritos em As Crônicas de Gelo e Fogo são:


 
 
 
 
Randyll
 
Melessa
Florent
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Samwell
 
Talla
 
Duas filhas
 
Dickon
 
Eleanor Mooton
 


Membros Históricos

Pessoal da Casa

Referências